41ª Corrida Duque de Caxias - Colhendo frutos

Olá, povo!!! Acho que nada melhor do que ter como provar que o que você passa a semana inteira se preparando, semanas batalhando e uma noite "estrategiando" dá certo. Foi o que aconteceu comigo nesses 10k do último Domingo na reta final da planilha para a Mizuno 10 Miles Series Salvador onde farei a maior distância dos meus humildes, porém ambiciosos 15 meses de corrida. É muito fácil escrever exaustivamente e dizer para vocês o que desejo... com esse boom das redes sociais, falar demais não é uma coisa tão incomum como era antigamente. Contudo, trazer para vocês a realização do que venho treinando para fazer é super: é inspirar iniciantes, mostrar a intermediários que dá para crescer mesmo com uma rotina de estudos e trabalho complicada e aos avançados que tem gente que rala para fazer algo perto do que eles fazem, sem ganhar um centavo com isso, como eles fizeram um dia.

Esses 10k colocariam fim a uma semana em que mesclei polimento e velocidade. A idéia era diminuir o volume que estava na casa dos 30k semanais, sendo que eu ainda troquei uns REG por cross-training para não ir todos os dias a rua correr. Contudo, faltavam mais um fartlek em ladeira e outro de pista, que devido a chuva de Quinta, fiz Sexta com menos voltas, para evitar dores excessivas para a prova no Domingo onde correria atrás de RP para consolidar o pace na casa dos 5'. Até a musculação foi de menor intensidade, agora é experimentar pouco e fazer por onde todo o investido renda meus sub 90' ou quem sabe até um 1h20' aconteçam Domingo que vem.

Marizinha também se poupou, mas ela foi pela razão de força maior: o seu joelho que pede uma revisão de metas. Passamos o seu kit, dentro de toda a legalidade, à Nadja, pessoa doce que começou seguindo o blog na Corrida da Independência da Bahia e a medida que o contato aumentou, já dá para sentir que não é só o blog que ela vai acompanhar por um bom tempo. Não contava com a Cassia, ela iria acompanhar um outro colega na prova dos 7, então, por razões de foco diferente, seria só mesmo um "beijinho, beijinho, tchau, tchau", mas razões do destino nos juntou de novo.

A Corrida Duque de Caxias é organizada pelo exército de Salvador que esse ano fechou uns parceiros legais e fez uma prova bem barata nos dar mais suporte que muitas de >R$40: hidratação pontual a cada 2k, soldados prestativos e educados, minibus do ponto de partida ao de chegada e vice versa após premiação e guardavolumes móvel. Gostei também da medalha. Único pecado foi não premiar pelo menos o primeiro lugar das faixas etárias da categoria civil, mas o 25 de Agosto é uma data de celebração militar, estarmos incluídos nessa prova que, em lógica, só deveria ser deles já foi uma maneira de nos premiar.

Um tiro para pegar os "aspiras". Parabéns pela prova, soldados.
A idéia já era largar na casa dos 5'/km e consegui, mas sem um Garmin, é realmente difícil fazer contas... Enquanto a conta bate com a placa de quilometragem, beleza, mas quando começam a acumular segundos e você cruza os 6k com 31' e alguma coisa, fica difícil calcular se o pace subiu muito. Contudo, dava para sentir que estava bem para manter um pace jamais mantido em outras ocasiões. Outra novidade foram os tiros mais intensos durante à prova e nas ladeiras também; motivação grande foi as mulheres terem largado antes... Planejei pegá-las com 3, 4km e tiros no começo, logo após o aquecimento e um primeiro km a 5'20'' e foi o que aconteceu. Propus a Nadja dois modos de baixar seus 1h08' altos; uma conservadora de 1h06'59'' e uma mais "faca" de 1h'03'59'' e a segunda foi atendida. Cássia, foi com Mariana que tinha que manter um ritmo mais conservador em seu treino de polimento e o ritmo de Cássia, com um pouco de aperto de mente seria ideal. Marizinha também foi nossa fotógrafa e flagrou várias ultrapassagens; motivação extra para se forçar a romper barreiras em provas onde se manter na zona de conforto é sempre uma opção já que antes de qualquer coisa, só estamos lá para coroar uma vida saudável e números ficam em segundo plano trazidos ocasionalmente ao primeiro. Mais atitude ainda foi uma hora após a prova, Cássia ter saído para encarar mais 7k, dobrando a distância da prova, para completar seu longo da planilha... Isso é que é foco... Não sou muito fã de sofrer em prestações, mas admiro quem seja. 
Amigas do Hostil tem que ter raça.

Eu, cruzei com 51'06'' os 10k, sendo 31 de 91 machos e finalmente o primeiro da faixa, mas que ficou sem brilho devido a não terem darem o devido valor às mesmas; quase 3' abaixo dos 53'53'' onde sofri com dores horríveis um mês atrás: musculação, alimentação, pista, inclinações, regenerativos, suplementação e descanso... A fórmula possuí muitas variáveis que se completam. Muito de umas e pouco de outras podem quebrar o sucesso. Mais tempo para alguns e menos para uns que achemos que sejam não tão importantes, também pode ser uma traição. Acabei a prova parecendo que ia explodir, mas, percebi que quase não fui incomodado pelas dores descritas no meus últimos 10k, o que justifica minha afirmação de que assimilo fácil novos treinamentos e a musculação vem funcionando. Revejam também estratégia de hidratação e suplementação dentro da prova; meus rins tem pago o preço e venho precisando de mais tempo para repor o tanto que perco por estar correndo bem mais forte que quando fazia esses 10k na casa dos 58'. Enfim, retomando o que citei no primeiro parágrafo, é bom demais provar que o que você se prepara, rende resultados e que se (ainda) não rendeu, muito provavelmente faltou algo vindo de você: seus motivos, podem até ser justificáveis, mas acho que seu sucesso ou fracasso são, SIM, determinados pelo que você faz antes do grande dia.

Os tempos citados acima não batem com os dados no site Corredor de Rua, alguns por segundos grandes, outros pequenos e outros até duplicados, o que me faz perguntar se só mesmo as provas de butique terão precisão na apuração dos tempos. De qualquer forma, agradeci a cada soldado que encontrei ontem e os parabenizei por terem feito uma prova de baixo custo (entre R$20 e R$30 + R$4 do boleto) não perder coisa alguma para os Circuitos das Estações e Eco Runs da vida: "se eu quisesse uma camisa de poliamida, eu mesmo a compraria, só me dê meu número e o chip" o foi feito lá e mais um pouco, pois ganhamos uma camisa.

A semana pede REG para amanhã, tiros com a galera do João e do Peralva na Quarta, REG quinta e um treinozinho para acordar a musculatura, bem solto no Sábado. Seja o que Deus quiser Domingo que vem na 10 Milhas: é para ficar na memória e dizer que estou apto a desafios maiores e torço para que ela diga que sim. Segue calendário abaixo com mais provas riscadas: não pago "caro" em "mais do mesmo".


DATA
PROVA
KM
TEMPO
18/08
41ª Corrida Duque de Caxias
10
51’06’’
25/08
Mizuno 10 Miles Series (SSA)
16

15/09
Circuito Bradesco da Longevidade (SSA)
6

29/09
XXVIII Corrida da Águia (SSA)
11

20/10
V Corrida da Saúde (SSA)
6

27/10
XXVII Corrida da Asa (SSA)
10

10/11
Track and Field Run Series Salvador Shopping (SSA)
5

17/11
VII Corrida Rústica da COPPA (SSA)
15

01/12
Volta da Pampulha (MG)
18

31/12
89ª Corrida de São Silvestre (SP)
15

Comentários

  1. É isso aí Ivan, as vezes nos prendemos muito a teorias que na pratica não funcionam tão bem.O importante é treinar,se alimentar bem,descansar e acreditar que pode tirar mais uma gota de leite da pedra...parabéns!! e que venha a mizuno.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acreditar em mim mesmo foi mais essencial que sair de casa para treinar. É isso aí! Quero treinar contigo, ver se respinga um pouco de sua doçura e velocidade. HEHEHEHE!

      Excluir
  2. Parabéns Hostil,

    pelos frutos colhidos de muito treino. É isso aí Ivan!!!

    abraço e até as próximas provas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso aí! Sem treino, sem expectativas grandes. Quero você voando também.

      Excluir
  3. Agora que já ta ganhando na categoria,vai sair picado na minha frente,rsrsrsrs Parabéns!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou deixar meu sub 40' para depois da Copa do Mundo, aí te passo. HEHEHEHE

      Excluir
  4. Nossa Ivan, muuuuito bom. Baixou seu tempo bonito heim. Com certeza foi fruto dos treinos em ladeira, velocidade e fortalecimento muscular. Parabéns!!!!
    abraços
    Helena
    Blog Correndo de bem com a vida
    @Correndodebem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fórmula bem simples, diga aí!? Nem sei "rumo" ao que eu devo dizer, pois sinceramente não tenho expectativas de frear na evolução.
      Valeu pela visita.

      Excluir

Postar um comentário

Seus comentários e visitas me inspiram muito sempre que corro: bons treinos, provas e mudanças de vida para vocês também. Thanks!