Circuito Petrobahia e a cabeça em 2018

O fim de ano chegou com grandes reflexões não apenas esportivas como pessoais e em alguns dias já teremos guardado nas lembranças o que houve de bom nesse maravilhoso 2017 e viveremos em função das metas do ano que se iniciará. Esse fds tivemos mais que cinco corridas em Salvador e mais algumas nas "adjacências" como na Ilha de Itaparica, Camaçari e Feira. Escolhi o Circuito Petrobahia por entre outras razões ser de um grande parceiro de nossa assessoria: a TV Aratu. Mas estive em pensamento em uma prova no COE, nosso QG para maratonas e no Circuito Bradesco, que foi uma de minhas primeiras provas e teve inúmeras outras razões para ser marcante também.

O diferencial maior dessas corridas da TV Aratu nos últimos anos é a largada antecipada. Ontem, como no ano passado e também a Maratona de Salvador, largamos antes das 7. Isso deveria ajudar em algo, mas o calor aqui é algo permanente. Notamos já no aquecimento que os mais despreparados sentiriam e que se a hidratação da prova não caprichasse, os mais experientes também teriam o que sentir. A entrega dos kits foi no  Clube Espanhol e não vi se queixarem dela. Eu ganhei um kit em cima da hora, uma das coisas boas em conhecer tanta gente nesses 5 anos de esporte. Coincidentemente, há cinco anos, ganhei um kit para essa prova numa promoção da TV Aratu... ainda não era treinado por assessoria alguma, mas já brigava por um sub 50 nos 10k, mesma meta de ontem, dada o descaso com os treinos pós-maratona e o turbilhão de eventos profissionais e pessoais do fim de ano.

Como esperado, nenhuma das provas teve lotação máxima. Nas fotos que vi e na prova que fiz, o número de atletas era sensivelmente menor que o habitual; isso é bom pq não temos atropelamentos e desorganização... mas também é ruim comercialmente por sabermos que as contas dos empresários  tem que bater para que eles não desistam da prova ou que não recalculem seus lucros em cima do valor das inscrições. As 6h10 começamos a aquecer e a cor da camisa da prova, por coincidência igual a da Assessoria Esportiva Rafael Peralva, iluminava a Orla ainda levemente escura de um verde bem chamativo. Os 10k largaram as 6h30 e os 5k as 6h35. Sem agonia e no tradicional (e começando a me enjoar) circuito Espanhol - Farol - Rio Vermelho - Espanhol. O bom é que mesmo bonito, não há facilidade e quem não calcula a força, sente as subidas que começam a aparecer no km2: ao todo são 3 das boas nos 10000 e vi muita gente quebrar já na primeira pq sentou a bota nos 2 primeiros km que são levemente em descida.

Diferentemente de São Paulo mês passado, não ataquei a prova do começo ao fim. Imaginei que meu limite estaria um pouco diferente do habitual pq só tenho treinado os tiros e feito pouca coisa que dure mais que 30'. A ordem era manter os 12kph (5'/km) que sabia que conseguiria entre os primeiros 5km e aí passar a fazer a força necessária para não levar mais que 50' correndo. O calor estava forte e aproveitava a água gelada, distribuída com intervalos perigosos para os menos preparados, para além de me hidratar molhar as coxas para aguentar o tranco. Com a musculação em dia e os treinos de potencia cuidando do cardio, o dito "menos é mais" fez-se real e senti cansaço quase nenhum. O ritmo foi o mesmo do começo ao fim com oscilação bem pequena entre as voltas. 49'30'' foi o resultado final, bastante alegria e uma medalha bem bonita coroavam a manhã ensolarada que logo mudou para uma tempestade de céu bem escuro que atrapalhou um pouco a premiação e as atrações que a prova reservara para a gente. 

Os resultados lá foram bastante expressivos com os mesmos 17'-18' de sempre pros 5k e os 32' dos 10k. O feminino também foi muito disputado com tempos inferiores a 23' nos 5k. Os resultados vocês encontram no site Aratu Online. A chave está virada para 2018 e a inscrição na Wings for Life (agora na Zona Oeste do Rio de Janeiro) e um desejo de fazer os 42km de Porto Alegre na pauta para as primeiras metas. O que vier depois a Deus pertence e vocês todos saberão pq se o caminho foi bom ou ruim, eu sempre conto aqui para que vocês não entrem de olhos fechados em nada. As fotos de ontem, encontramos no Spontals, Olho no Atleta e em Esporte Mundo.

Bom 2018! Até o retorno. Obrigado pelas leituras de sempre a fidelidade a nosso espaço.

Comentários

  1. Parabéns pela prova. Ontem realmente teve prova pra todos os bolsos, desafios e gostos. Até 2018 com muitos desafios!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Seus comentários e visitas me inspiram muito sempre que corro: bons treinos, provas e mudanças de vida para vocês também. Thanks!